Retrospectiva 2023: Viração Educomunicação celebra ano de conquistas e compromissos pela transformação social

Ao relembrarmos os melhores momentos de 2023, na Viração Educomunicação destacamos  as ações e projetos que marcaram profundamente o nosso compromisso com a transformação do cenário socioambiental. Comprometida com a construção de um mundo mais justo, a organização encerrou mais um ano celebrando impactos significativos em diversas frentes.

Entre os marcos que merecem destaque, estão:

1. Novo Site da Viração:

Em uma era digital em constante evolução, a Viração lançou seu novo site, proporcionando uma experiência mais acessível e interativa para seus seguidores e colaboradores.

2. Apoio ao Acampamento Terra Livre 2023:

Ao unir forças com a campanha “Amazônia de Pé”, a Viração marcou presença no Acampamento Terra Livre 2023, a maior assembleia dos povos indígenas do Brasil. Essa colaboração reforçou o compromisso da organização com a defesa dos direitos e da cultura desses povos. Em parceria com o jovem indígena Pedro Pankararé, também contribuímos com a cobertura do evento em nossas redes. Acesse aqui

3. Mostra de Cinema Comunitário em Ferreira Gomes (AP):

A Praça Chico Pinheiro foi palco da primeira Mostra de Cinema Comunitário de Ferreira Gomes, município do Amapá, reunindo dezenas de pessoas para celebrar a produção audiovisual local e promover a cultura e a integração na comunidade. Na mostra, ocorreu a estreia do documentário “Pisca-Pisca” e do videoclipe da música “O Mundo é Nosso”, obras produzidas por adolescentes e jovens do município que resultaram de um processo formativo sobre cinema e audiovisual, promovido pela Viração.

4. Oficina de Câmera Escura e Pincel de Luz em Mazagão (AP):

Também no Amapá, a Viração realizou na Escola Família Agroextrativista do Carvão, no município de Mazagão,  uma oficina de Câmera Escura e Pincel de Luz, onde as crianças e adolescentes fizeram registros sensíveis de seus olhares para a região.

5. Cobertura educomunicativa do Festival Carambola em Maceió (AL):

Por meio do projeto Digaê, a Viração marcou presença na 7ª edição do Festival Carambola no Summer Club Jacarecica, em Maceió, fortalecendo laços culturais e proporcionando experiências enriquecedoras aos participantes da cobertura educomunicativa. As entrevistas realizadas pela equipe de jovens comunicadores podem ser vistas no canal do Youtube da Viração: Acesse aqui

6. Sistematização do Projeto “Mude com Elas”:

A entrega da sistematização do projeto “Mude com Elas”, no qual atuamos junto a uma rede de multiatores pelo enfrentamento da desigualdade racial, econômica e de gênero que atravessa a inserção de jovens mulheres negras no mundo do trabalho, reforça o compromisso da Viração com a promoção da igualdade de gênero e o empoderamento feminino.

7. Webinário de 20 anos da Viração:

Para celebrar duas décadas de atuação, a Viração promoveu um Webnário, proporcionando reflexões e diálogos enriquecedores sobre o impacto de suas ações ao longo do tempo. Acesse aqui

8. Parceria com a Unesco e Lançamento da Revista Viração:

Em parceria com a Unesco, a Viração lançou a edição 118 da Revista Viração, ampliando o alcance de suas mensagens e promovendo discussões relevantes sobre educação e comunicação. Acesse aqui

9. Compromisso pelos Direitos de Crianças e Adolescentes:

O Especial ECA reforçou o compromisso da Viração em seguir lutando pelos direitos fundamentais de crianças e adolescentes, destacando a importância dessas ações na construção de um futuro mais justo, equitativo e plural. Acesse aqui

10. Oficina na Semana do Jovem Trabalhador em São Paulo (SP):

A convite da Rede Despertar Sonhos, a Viração realizou uma Oficina de Comunicação e Participação Política na Semana do Jovem Trabalhador, evento promovido às vésperas do Dia do Trabalho (1º de maio). 

A Viração Educomunicação encerra 2023 celebrando não apenas conquistas, mas também reafirmando seu compromisso de seguir trilhando caminhos que promovam a justiça social, a participação cidadã e a transformação positiva na sociedade. Que no próximo ano, sigamos contribuindo para um mundo mais justo, inclusivo e igualitário. 

Fonte:

Compartilhe:
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

plugins premium WordPress