Jogo “Bora lá! Juventudes contra as desigualdades” é lançado com debate sobre os10 anos do Estatuto da Juventude

O jogo é resultado de uma construção colaborativa e estará disponível para download no site do
projeto.
No próximo dia 27 de setembro, às 19h, jovens de diversas partes do país, educadores(as),
ativistas e participantes de coletivos e movimentos que atuam pela garantia de direitos das
juventudes no Brasil se reúnem na roda de conversa online “10 anos do Estatuto da
Juventude: avanços e desafios em prol da transformação social”.
O encontro, além de trazer luz a este marco importante de 2023, afinal são 10 anos da
criação do Estatuto da Juventude (Lei nº 12.852), que dispõe sobre os direitos dos(as)
jovens, os princípios e diretrizes das políticas públicas de juventude e o Sistema Nacional
de Juventude, também marca o lançamento do jogo Bora lá! Juventudes contra as
desigualdades.
A iniciativa é do Estúdio Cais – Projetos de Interesse Público, com a parceria estratégica da
Fundação Tide Setubal, e o apoio de diversas organizações, como Núcleo de Comunicação
e Educação da USP, Viração, Rede Conhecimento Social, Em Movimento, Ashoka,
Jogaderia, Sefras, Escola de Ativismo, Programa Cidadania Viva, Rede Despertar Sonhos e
Ashoka.
A proposta do jogo é, de forma lúdica e divertida, gerar e disseminar conhecimentos sobre
as desigualdades sociais que afetam as juventudes no Brasil e incentivar a realização
coletiva de ações de mobilização e engajamento para enfrentar as injustiças presentes em
territórios diversos.
O jogo Bora lá! tem algo muito especial: ele foi feito de forma colaborativa com a
participação direta das juventudes. A primeira etapa do projeto contou com a participação
de 38 jovens em três rodas de conversa virtual, de diversas localidades do Brasil. A
proposta foi levantar ideias, sugestões e definir as temáticas centrais que seriam abordadas
nos materiais, a partir das percepções dos(as) próprios(as) jovens.
A partir daí, o projeto realizou o Laboratório Criativo, um final de semana de imersão
presencial, com a participação de 15 jovens da cidade de São Paulo (SP) e região
metropolitana. A imersão contou ainda com o engajamento de jovens ativistas nas causas
socioambientais e direitos das juventudes para inspirar e trocar experiências com os(as)
participantes. Na oportunidade, os(as) jovens criaram os objetivos do jogo, as regras, a
mecânica e as cartas que compõem o material.
Todos(as) os(as) jovens participantes receberam certificado, oferecido pelo Núcleo de
Comunicação e Educação da Universidade de São Paulo (NCE/USP) e Estúdio Cais –
Projetos de Interesse Público, além de terem o reconhecimento da participação e assinatura
como co-desenvolvedor(a) desse jogo.
A partir do seu lançamento, o jogo estará disponível de forma gratuita para ser baixado no
site do projeto – www.boralajuventudes.com.br. A proposta é que o jogo possa ser utilizado
pelos(as) jovens em diversos contextos, como encontros, rodas de conversa, atividades em
grupo, nas escolas, nos coletivos e movimentos, ou qualquer lugar que busque fortalecer o
engajamento das juventudes na transformação social.
O debate
O objetivo do encontro é trazer diferentes vozes sobre a temática e, a partir da metodologia
do jogo, promover reflexões sobre as questões vivenciadas diariamente pelas juventudes
brasileiras. Estarão presentes na roda de conversa:
● Daniele Próspero e Rodrigo Bueno – idealizadores do jogo Bora lá!
● Jessy Dayane Silva Santos – Secretária adjunta da Secretaria Nacional de
Juventude
● Mathaus Torres – secretário executivo do Em Movimento
● Maria Rehder – pesquisadora do Núcleo de Comunicação e Educação da USP
● Nayara Almeida – membro da Escola de Ativismo
● Pedro Moura – estudante do Ensino Médio, coordenador de base da Pastoral da
Juventude e co-criador do jogo
● Maria Borges – fundadora do Cuidado Circular e co-criadora do jogo
Informações:
O debate online será no dia 27 de setembro, às 19h, pelo canal do Youtube da Fundação
Tide Setubal @CanalEnfrente.
Mais informações no site do projeto: www.boralajuventudes.com.br

Fonte:

Compartilhe:
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

plugins premium WordPress